Antigio. Sinopses.


      As atrocidades dos nossos antepassados convertem-se no pretexto perfeito, para a execução de uma vingança descomunal. A fé dos homens cambaleia-se e procuram respostas, á perguntas erradas, no seu interior.


      Um despiedado assassino, toma forma mitológica e arrasta o Vicente, o Eduardo e a Emma, por meia Europa e mais além. Os inocentes convertem-se em culpáveis e para resolver o mistério, seguem as pistas, quebrantam a lei, resolvem enigmas e lutam contra a adversidade, e contra eles próprios.


      Um romance trepidante. Que guia o leitor através de um pais, Europa, que esta dando os primeiros passos. Uma perseguição a traves da história que convive connosco no presente. Mobilidade, aventura, história, enigmas, viajar e lutar. Quem é o caçador e quem é a presa…